Qual o melhor investimento para 2017

Tempo de leitura: 4 minutos

E aí, quer saber qual o melhor investimento para 2017? Ficou curioso? Então leia este artigo, vai ser rapidinho, eu prometo! Aqui veremos as melhores opções de investimento para 2017 ser diferente!

Todo ano fazemos promessas ousadas de mudar de vida, e boa parte delas se refere à vida financeira!

E aí, quer mesmo mudar essa situação!

Erro #1 dos investimentos

O maior erro é achar que poupar pouco não vale a pena, não faz diferença, então é melhor gastar logo tudo que ganhamos!

Não faça isso, poupar pouco é melhor do que não poupar nada! O tempo e os juros são excelentes aliados no processo de construção de riqueza!

Mas qual o melhor investimento para 2017?

Já que decidimos poupar e fazer o 2017 diferente, precisamos decidir onde colocar este dinheiro, investindo na melhor opção!

Entendo que 90% do nosso patrimônio deve ser investido em ativos seguros, principalmente do tipo renda fixa!

Dessa forma teremos sempre liquidez e previsibilidade nos resultados, melhorando a rentabilidade com investimentos em ações e outros ativos mais arrojados.

Mas qual o melhor investimento para 2017 quando falamos de renda fixa?

Vamos analisar as opções:

LCA e LCI:

LCA e LCI são ativos com rentabilidade vinculada ao CDI e isentos do Imposto de Renda na Fonte. Mas essa isenção acaba sendo neutralizada com um repasse a menor da rentabilidade ao investidor.

Via de regra, tais opções são oferecidas com rentabilidades de 85% do CDI, percentuais melhores estão vinculados a condições muitas vezes desfavoráveis.

Além disso, a tendência para o CDI daqui para a frente não é nada boa!

A razão para isso é simples, o CDI está diretamente relacionado ao índice da SELIC, assim, como a taxa básica está em tendência de queda, o CDI também acompanhará esse movimento, reduzindo a rentabilidade dos produtos vinculados ao CDI.

Mas e aí, qual o melhor investimento para 2017?

CDB e Fundos de Investimento:

Assim como as LCI e LCA, os CDB e Fundos estão, em sua maioria, vinculados ao CDI, mas dessa vez com um percentual maior, mais próximo dos 100% do CDI quando falamos de um bom fundo ou CDB, além de estarmos garantidos pelo FGC.

Mas, conforme comentei, aqui também estão vinculados a um indicador que está em tendência franca de queda, devendo ser evitado!

Salvo se o CDB for prefixado ou indexado ao IPCA, não vejo como uma boa opção para 2017 esse tipo de produto!

Mas e aí, qual o melhor investimento para 2017?

Poupança:

Sem comentários, a poupança é um péssimo investimento em qualquer circunstância!

Mas e aí, qual o melhor investimento para 2017?

Debêntures:

Aqui temos algo interessante, mas muiiiittttooooo arriscado!

Além da baixa liquidez, as debêntures possuem um elevado risco de crédito, podendo resultar num calote!

Assim, se optar por comprar debêntures, escolha muito bem o emissor e atente para o prazo de vencimento, pois dificilmente você conseguirá vendê-la rapidamente.

Mas e aí, qual o melhor investimento para 2017?

Tesouro Direto:

Tá aí meu investimento predileto, e minha aposta para o ano de 2017!

Tenho certeza que o Tesouro será o melhor investimento de 2017, principalmente em relação aos prefixados e aos indexados!

E o melhor de tudo é que a melhor rentabilidade vem acompanhada do menor risco de todo o mercado, parece até brincadeira!

Com a tendência de queda dos juros, os títulos públicos prefixados e indexados ao IPCA que forem comprados a taxas interessantes poderão obter uma excelente rentabilidade a mercado (venda antecipada), e garantir uma ótima rentabilidade até o vencimento!

Aprenda a investir no Tesouro Direto com o E-book grátis do Tesouro Direto Simplificado, nele você encontrará as principais dicas para investir com segurança e rentabilidade!

O tesouro Selic também é uma boa opção, mas para quem procura liquidez, segurança e por um prazo mais curto, já que os prefixados tendem a oferecer uma melhor rentabilidade num horizonte de médio e longo prazos!

Bolsa:

A bolsa foi um bom investimento no ano de 2016, mas será mesmo que 2017 vai ser tão bom assim?

Primeiro temos que perceber que a bolsa vem muito mal desde 2012, e 2014 e 2015 foram especialmente ruins para este tipo de ativo.

Com uma base muito deprimida pela crise política, após o impeachment estes ativos valorizaram muito, corrigindo algumas distorções.

Mas será que realmente 2017 vai ser um ano de crescimento que melhorará o lucro das empresas?

Os economistas, e eu compartilho desta opinião, pensam que não!

Não vejo espaço para resultados bons nos balanços e DREs das empresas neste ano, de modo que não vislumbro grandes valorizações para os ativos negociados na bolsa!

Acredito que diversificar é interessante, mas eu aposto mesmo é nos prefixados!

Se você quer aprender a investir com segurança e rentabilidade no Tesouro não perca tempo, se matricule no Guia do Tesouro Direto e aprenda a investir na prática!

O valor que este curso vai agregar na sua vida financeira é imenso, muito superior ao seu preço! Aproveite esta oportunidade e mude a forma como você trata seu dinheiro!

E aí, qual a sua opinião?

Qual o melhor investimento para 2017 pra você?

Compartilhe comigo!

Victório Amoedo

Tesouro Direto Simplificado

 

 

13 Comentários


  1. Boa tarde

    No meio de Dezembro resolvi investir em um titulo no tesouro direto (Selic 2021 LFT), gostaria de saber se fiz bem ou mal. Ressalto que não pretendo resgatar no momento, meu planejamento mesmo é aplicar todos os meses uma quantia e deixar até o vencimento, o que você acha ?

    Responder

    1. Olá Eduardo,
      Como você pretende deixar este valor até 2021 eu recomendaria uma mudança no título.
      A razão para isso é simples, a tendência para a Selic para os próximos 2 anos é de queda, assim a rentabilidade do seu título acompanhará essa queda.
      A alternativa seria diversificar entre IPCA + 2024, por exemplo, e Prefixado 2019!
      Com esses dois títulos você obteria uma rentabilidade bem maior!
      Fique atento para um repique das taxas para realizar essa operação, acompanhe meus e-mails que avisarei o momento correto!
      Um abraço

      Responder

  2. Victório, boa noite. Ainda iniciante nessa seara, mas, depois de pesquisar e ler a respeito (ainda falta o Curso Guia do Tesouro Direto, que farei), estou decidido a investir no TD. Após o ingresso no curso, para debater estratégias e análise das tendências que se apresentam, há algum mecanismo de comunicação com você (chat, e-mail etc) ou apenas pela leitura de textos e vídeos gravados?
    O que acha da estratégia de investir parte no LCI ou LCA que pagam mais de 117% do CDI (em regra, títulos de 3/4 anos e isentos de IR), aliado ao investimento de parte no NTN-B Principal (neste reside meu maior interesse, tendo em vista a possibilidade de acrescer ganho de mercado, porém com muitas dúvidas em relação a qual patamar mínimo de taxa interessante para entrada, minimizando os riscos, maior volatividade na N19/N24 ou N35 etc)?

    Responder

    1. Olá Tales,
      Particularmente não acho interessante, neste momento em que o CDI está em queda, visto que ele é uma derivada da SELIC, investir em produtos atrelados ao CDI. É como se amarrar a uma pedra afundando.
      O momento é interessante para prefixar e indexar, e o Tesouro Direto é o melhor produto para isso pois oferece liquidez absoluta.
      Quanto ao curso, lá temos um grupo de debate no facebook, onde discutimos o mercado e tiramos dúvidas!
      visite o site:
      http://www.tesourodiretosimplificado.com.br
      Um abraço

      Responder

  3. Victório,boa noite!Pesquisando sobre TD,encontrei seu site,que achei muito interessante,parabéns.
    As taxas de rentabilidade do ipca+ 2035 têm caído um pouco,hoje estava em 5,39% + ipca.
    Com sua experiência na área,você diria que ainda vale a pena investir nesse título ou existe outra opção de renda fixa melhor que essa?
    Meu objetivo é de longo prazo,para minha aposentadoria.
    Se puder me esclarecer essa dúvida,ficaria muito grato.
    Muito obrigado.
    Um forte abraço.

    Responder

    1. Ryu, se seu objetivo é a aposentadoria o IPCA 2035 é excelente para você, qualquer coisa acima de 4% vai te dar uma rentabilidade real média acima da do CDI, e é isso que importa no longo prazo!

      Responder

      1. Bom dia,Victório.Muito obrigado pela resposta.
        Tenho mais uma dúvida em relação a simulação da rentabilidade da calculadora do tesouro.
        Nela por exemplo se eu simulo um investimento de R$ 10000,00 em NTNB-principal 2035 com taxa de 5,27% e taxa de administração de 0,3% e inflação de 3,5%.
        Minha dúvida é em relação a taxa de custódia,administração e o valor liquido de resgate.Nessa simulação a taxa de custódia é de R$ 1576,05 e a taxa de administração da corretora de R$1489,74,imagino que esses valores seriam a somatória das taxas anuais cobradas durante o todo o período investido,estou certo?Como essas taxas já são cobradas anualmente, na data do vencimento o valor liquido que entraria em minha conta seria o valor bruto R$ 47540,13 descontado o IR e o 0,3% de custódia e 0,3% da corretora sobre o valor bruto que seria algo como R$ 285,00 sobrando no final R$ 42083,00 e não os R$ 39303,00 do resultado da simulação,será que estou fazendo cálculos errados?
        Mais uma vez espero que você possa me ajudar pois procurei a resposta em dezenas de blogs e não encontrei em lugar nenhum.
        Parabéns pelo excelente blog.
        Abraço

        Responder

        1. No Tesouro Direto a taxa de administração e custódia é cobrada em separado, e não descontada da rentabilidade do título, assim, as simulações não descontam a taxa, pois ele é paga em separado!

          Responder

          1. Muito obrigado Victório!
            Tenha um excelente dia!
            Abraço


  4. Olá Victório!Gostaria de sua opinião…Investi R$ 35.000,00 no TD ipca+2035 para minha aposentadoria e a princípio não pretendo fazer mais aportes.Separei R$5.000,00 para pagar as taxas de custódia e administração da corretora.
    Em qual tipo de aplicação você colocaria esses R$5.000,00 para poder pagar as taxas anuais até a data do vencimento?
    Se essa recomendação for um serviço pelo qual você cobra alguma taxa me desculpe por postar aqui.
    Desde já agradeço o tempo que você dedica ao blog e as pessoas que você ajuda.
    Abraço.

    Responder

    1. Por nada Ryu,
      você já se inscreveu em nossa lista? lá eu respondo muitas das suas dúvidas de uma forma mais organizada!
      Mas quanto a sua pergunta, pela sua descrição já vejo que os 5 mil precisam de liquidez, e nesse sentido a melhor opção é o Tesouro Selic, pois a qualquer momento você poderá sacar e arcar com os compromissos de taxas, além de receber uma boa rentabilidade neste intervalo!

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezoito − 1 =